Tambor de Freio

Gostou? compartilhe!

A segurança no trânsito é um assunto de alta importância e que não deve ser negligenciado. Portanto, é necessário realizar as revisões veiculares com a frequência adequada, conforme o manual do automóvel informa.

As peças que desempenham papel fundamental na segurança do condutor e das pessoas ao redor dele são os freios, por isso sempre devem receber atenção especial.

Cada carro possui quatro freios, sendo dois deles dianteiros e os restantes traseiros, sendo que os dianteiros são compostos por discos e pastilhas. Os traseiros, por sua vez, são compostos por sapatas semicirculares envoltas por lonas fixas e tambor de freio.

A parte traseira dos componentes do sistema de frenagem é a responsável por gerar o atrito entre o tambor e as lonas, fazendo com que o veículo diminua a velocidade para então frear completamente.

O freio a tambor é um sistema hidráulico que possui altos níveis de eficiência. É utilizado em veículos de pequeno, médio e grande porte. Está presente, inclusive, em automóveis que transportam cargas pesadas.

É indispensável que o motorista se mantenha atento ao desempenho da desaceleração. Há alguns sinais que indicam que o tambor precisa passar por manutenção. São eles:

  • Pedal muito duro;
  • Pedal excessivamente baixo;
  • Ausência de firmeza no pedal;
  • Surgimento de ruídos incomuns durante o acionamento do sistema de freio.

Obtenha mais informações sobre tambor de freio

A manutenção preventiva do tambor é extremamente importante para que o sistema de frenagem como um todo funcione corretamente, o que garante a segurança não só dos ocupantes do veículo, como também dos pedestres.

A prevenção representa custos significativamente mais baixos que o prejuízo causado pelo mau funcionamento do tambor, pois algumas das consequências podem ser irreversíveis, como, por exemplo, morte.

A qualidade do tambor adquirido é um fator de extrema importância, pois afeta diretamente no funcionamento e na durabilidade desta tão importante peça.